Provavelmente nunca fui tão vegetariana na minha vida quanto nestes últimos tempos. Eu tento manter uma dieta saudável e comer de tudo, mas descobri que comer carne vemelha é um drama. Se vc é uma grávida que nunca teve toxoplasmose, tem que tomar cuidado redobrado. Carnes cruas (sushis, kibe cru, etc) ou mal-passadas, nem pensar. A crua, de cara, é fácil descartar. Já a mal-passada…

Vc chega num restaurante e pede um bife. Pode apostar que mesmo pedindo muito bem passada, ela virá meio vermelhinha, lá por dentro. Daqui a pouco eu vou começar a pedir bem passada-tipo-sola-de-sapato, manja? Começa a bater uma certa preguiça de ficar devolvendo o prato para a cozinha, para que alguém esturrique o seu bife um pouco mais.

Ai comecei a apelar para os frangos, que o risco de vir assim é bem menor. E tem uma hora que vc quer apenas almoçar ou jantar e pronto e salve os restaurantes vegetarianos!

A parte complicada disso é que, para as grávidas ficarem anêmicas, parece que não é muito complicado. Então fico sempre meio preocupada e tento, de um jeito ou de outro, manter a dieta o mais variada possível, apesar desses percalços…